Homem que matou mulher na Refontoura começa a ser julgado

Data

 

Vítima mortal

Está marcado para 10 de fevereiro o início do julgamento do homem acusado de ter morto a mulher a tiro à porta de uma fábrica de calçado na Refontoura.

O julgamento decorrerá no Tribunal de Penafiel.

PUB.


O caso remonta ao dia 6 de junho de 2022, quando o arguido, residente em Lousada, se dirigiu à fábrica de calçado onde a esposa trabalhava, acabando, na via pública, por efetuar um disparo de caçadeira, atingindo-a no peito.

Segundo a acusação, quando a vítima, de 46 anos, Sílvia Mendes, já se encontrava no chão, foi atingida por um segundo disparo, efetuado pelo marido, na zona abdominal, que lhe provocou a morte.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite o seu nome aqui

spot_img

Artigos relacionados

Largo da Igreja de Várzea vai ser transformado

A Câmara Municipal de Felgueiras anunciou esta terça-feira, dia das festividades de S. Jorge, em Várzea, o...

Participação de Falecimento

FUNERÁRIA SENRASRA. APARECIDA | LONGRA | FELGUEIRAS965 435 057 - 917 935 052

Bandas de Música de Felgueiras e da Lixa vão tocar o Hino de Felgueiras em conjunto

As comemorações oficiais dos 50 anos do 25 de Abril de 1974 vão ter um momento especial: as...

Sendim doa receita do jogo para ajudar crianças com autismo

A receita de bilheteira do jogo Sendim-Vilarinho, marcado para 27 de abril, pelas 16 horas, no Campo da...